Gigante adormecido

  Apenas lutava tornar externo, para que o que lhe ia à alma se expandisse além de si mesmo… de seu corpo. Sofria por não saber como. A sutiliza dos tons, odores, gostos e como tudo isto se imiscuía dentro de si, os prazeres que o vento ao rosto lhe permitiam ao ser beijado por este fantasma, enfim, tudo que […]

Continue lendo

Por uma Arquitetura

Bem ali, diante dos dois, por detrás daquela cortina de vidro que compõe a fachada do escritório, no nono andar, estava a máxima poesia concreta de suas vidas. Fruto de uma vida de trabalho – resumo de todos os conceitos e práticas da arquitetura que tiveram que aprender nos e além dos bancos escolares  – foi desenvolvida a duras noites […]

Continue lendo
1 2 3